Noroeste empata com Rio Preto e segue invicto no Paulistão

Após pênalti polêmico, Alvirrubro e Jacaré terminam em 1 a 1 no jogo pela 12ª rodada

Aconteceu neste domingo (17), a disputa entre Noroeste e Rio Preto, às 11h, no Estádio Alfredo de Castilho em Bauru. O jogo faz parte da Série A3 do Campeonato Paulista, o Paulistão. Com o empate de 1 a 1, o Norusca mantém sua invencibilidade histórica de 14 partidas e segue na terceira posição com 22 pontos.

O resultado não garantiu a classificação direta do Alvirrubro na fase de mata-mata do Campeonato. Mas, mesmo assim, se manteve em boa posição. Já a equipe de Rio Preto, ficou fora do G8, na décima posição com 15 pontos.

O jogo levou 1892 torcedores pagantes para o Alfredão, gerando uma renda de R$ 36.680 para o clube. O time bauruense entrou em campo com uma faixa em apoio à campanha de conscientização no combate à dengue. Atualmente, a cidade enfrenta uma epidemia com mais de 4.800 casos e dez mortes confirmadas pela Secretaria da Saúde.

O JOGO
Pontualmente, 11h, o árbitro Daniel Carlos Fernandes apitou o início da partida. O grande desfalque da equipe de Bauru veio de seu técnico Betão Alcântara que não entrou em campo devido à uma suspensão pelo TJD no jogo anterior. Quem assumiu sua posição foi o ex-jogador e técnico interino Evandro Nascimento, conhecido como Bira.

 

  • 1° Tempo
    A partida foi acirrada e ambos os times correram muito e arriscaram diversos chutes ao gol no primeiro tempo. O técnico de São José do Rio Preto, Sérgio Caetano, tentou surpreender o time bauruense com uma nova estratégia, colocando um jogador a mais no meio campo. Contudo, a tática não impediu que o Alvirrubro comandasse o jogo e forçasse o Jacaré a fechar a defesa. A temperatura também esquentou e os jogadores tiveram uma pausa para se hidratarem.

O primeiro lance perigoso aconteceu aos 18 minutos, quando Merlo, do Noroeste, arriscou na entrada da área e o goleiro rio-pretense, Gustavo, mandou a bola para escanteio. O jogo quente seguiu com algumas divididas mais duras entre os jogadores. Max Pardalzinho, do Rio Preto, foi derrubado em um lance mais duro e causou preocupação para a equipe, por alguns instantes. Antes do intervalo, a mudança tática realizada com a entrada de Max Pardalzinho abrindo as laterais fez com que o time melhorasse o ataque. Porém, apesar do ritmo da partida, nenhuma equipe conseguiu abrir o placar na primeira etapa.

  • 2° Tempo
    Já na segunda etapa, os jogadores voltaram com a mira calibrada. Logo, aos 6 minutos, Gabriel Barcos do Rio Preto aplicou a ‘Lei do ex’, mantendo a ótima fase, abriu o placar com um gol de cabeça após cobrança de escanteio. Esse foi o terceiro gol do jogador nos últimos três jogos do time Alviverde.

Apesar do revés, a torcida do Noroeste continuou a apoiar a equipe. O lance mais perigoso veio do meia Richarlyson que quase balançou a rede com um tirambaço dado de longe, mas foi o travessão do goleiro rival que atingiu. As oportunidades de gol continuaram e Pedro Felipe teve uma péssima finalização frente a frente com o goleiro ao receber o passe de Pacheco.

O resultado do suporte só veio aos 24 minutos. Em jogada rápida, dentro da área adversária, o camisa 20, Richarlyson, foi derrubado e o juiz apitou, pênalti. A jogada gerou discussão com relação a inexistência do pênalti. Na cobrança o camisa 10, Léo Gonçalves, bateu com confiança e empatou a partida, 1 a 1.

O jogo seguiu acirrado e o Noroeste quase virou a partida com um gol, poucos minutos depois, mas o juiz assinalou impedimento. Um choque entre os jogadores Caio César e Pimenta também preocupou o público presente no estádio.

A partida continuou pegada mas os times não saíram do empate. A  ideia de manter chutes longes contra uma defesa fechada até auxiliou o Noroeste, entretanto, não trouxe o resultado esperado e tornando a liderança inacessível agora que o Velo Clube abriu seis pontos de diferença. Já do lado de Rio Preto, o empate não foi bem recebido pelo time, já que uma vitória colocaria a equipe de volta ao G8. O placar final foi de 1 a 1.

PRÓXIMOS JOGOS
Dando sequência, agora para a 13ª rodada do campeonato, o time Alvirrubro enfrenta na próxima quarta-feira, 20 de março,  às 20h, o Velo Clube, em Rio Claro. No mesmo dia, mas às 15h, a equipe de Rio Preto joga fora de casa novamente, desta vez contra Monte Azul, em Monte Azul Paulista.

PREPARAÇÃO
A equipe do Repórter Unesp se preocupou em acompanhar os resultados dos últimos jogos do Paulistão na série A3 para entender a situação dos times que se enfrentaram. Os treinos abertos de Bauru também fizeram parte da agenda dos repórteres. Além da preocupação de conhecer o local da disputa e sua infraestrutura antecipadamente. Sempre que possível, mantiveram contato com o assessor de comunicação do clube E.C. Noroeste. Deste modo, foi possível evitar imprevistos no dia da cobertura.


Durante a semana, nossas redes sociais (
Instagram, Twitter e Facebook) foram alimentadas com conteúdos referente à disputa. Convidamos o Professor Sinuhe Preto, que já atuou como comentarista de rádio, para contextualizar a partida.

Noroeste – Sinuhe Preto

O professor Sinuhe Preto é fã de futebol e já foi comentarista na Jovem Pan News. Ele nos contou um pouco sobre a história do Esporte Clube Noroeste e as expectativas para o jogo de amanhã contra Rio Preto Esporte Clube. Confira! #reporterinloco #reporterunesp

Publicado por Repórter Unesp em Sábado, 16 de março de 2019

 

No dia do evento, a equipe chegou ao local às 9h30 e saiu às 13h30. Fez um total de dez transmissões ao vivo pelo Facebook, entrevistou torcedores, jogadores e o técnico Bira. Teve cobertura completa de fotografia, lance a lance pelo Twitter e muito passe de bola nos stories do Instagram.

Publicado por Repórter Unesp em Domingo, 17 de março de 2019

 

NOSSO TIME

Caroline Oréfice: fotografia de campo
Giovana Moraes: câmera e mídias sociais – Facebook
Guilherme Hansen: produtor
Heloísa Manduca: mídias sociais – Twitter
Lucas Lombardi: câmera e mídias sociais – Facebook
Nádia Linhares: fotografia arquibancada
Patrick Souza: mídias sociais – Instagram
Pedro Fonseca: repórter
Valquiria de Carvalho: fotografia arquibancada
Victor Barreto: repórter

Uma experiência nova e diferente! A maioria da equipe ainda não tinha tido a oportunidade de cobrir esporte e, muito menos, em tempo real. Facilidade para uns e desafio para outros! O ritmo frenético contagiou a todos que deram o seu melhor para que os seguidores do Repórter Unesp não perdessem nenhum lance!

TEXTO: Caroline Oréfice, Heloísa Manduca e Pedro Fonseca. l Fotos: Caroline Oréfice, Nádia Linhares e Valquiria de Carvalho. l Vídeos: Giovana Moraes, Heloísa Manduca e Patrick Souza.

 

2 thoughts on “Noroeste empata com Rio Preto e segue invicto no Paulistão”

  1. Maria Elena says:

    Parabéns a todos! Acompanhei toda a transmissão via Facebook. Perseverem!

  2. Marcos Esperidião Silva says:

    Parabéns a todos vcs. Ótimo trabalho. Mostram que, futuramente, todos estarão em rede nacional fazendo o maior sucesso.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *