Trello: Gerenciar projetos e tarefas nunca foi tão fácil

Flexível e prática, a ferramenta colabora para a organização individual e de grupos

Com a grande quantidade de informações que recebe o tempo todo por conta de estímulos externos, a mente pode não se concentrar adequadamente nas tarefas do dia a dia. Por isso, diversos detalhes e problemas a serem resolvidos acabam esquecidos. Buscando resolver esse problema e ajudando seus usuários a organizar melhor a vida profissional, a empresa de desenvolvimentos de software Fog Creek criou o Trello, um sistema de quadros personalizáveis e totalmente adaptáveis às necessidades individuais e coletivas de cada um.

Em relação ao trabalho jornalístico, o Trello funciona como um esquematizador das pautas, podendo, por exemplo, ser divididas em três colunas principais (“A fazer”, “Em desenvolvimento” e “Concluída”). Além disso, é um espaço propício para armazenamento de conteúdo, tanto textual quanto multimidiático, e interação entre equipes de produção.

O que é?

A plataforma tem como principal objetivo o gerenciamento de tarefas. Para isso, é utilizado um sistema de quadros virtuais, que permite que o usuário crie diversas colunas, em que é possível adicionar cartões com as tarefas a serem cumpridas. Por exemplo, é possível criar uma coluna para as tarefas a serem feitas, outra para aquelas que já estão sendo realizadas e, por fim, uma para as que foram finalizadas. Então, basta mover os cartões de uma coluna para a outra.

As interações pessoais dentro dos cartões são uma ótima opção para trabalhos em equipe. (Imagem: Reprodução)

Porém, o Trello não se limita apenas à organização de projetos; o site da própria plataforma indica diversas formas de usá-lo, que vão desde organizar um torneio de futebol até planejar um feriado.

Como ferramenta jornalística, o Trello se mostra bastante útil. Os jornalistas podem utilizá-lo criando colunas para as pautas a serem aprovadas, aquelas que já estão sendo desenvolvidas e aquelas que estão sendo prontas.

Como funciona?

O Trello funciona com um sistema de quadros e listas. O usuário pode criar os quadros desejados, e ir criando colunas de acordo com a sua necessidade. Nelas, serão adicionados cartões com as tarefas, que podem ser movidos de uma coluna para outra.

Os cartões são editáveis, e permitem interações sociais entre os envolvidos no projeto,como a adição de comentários, listas com checklist, prazos com dia e horário, upload de arquivos, links e outros.

A organização é feita por meio de cartões altamente personalizáveis (Imagem: Reprodução)

O Trello está disponível gratuitamente para web, iOS e Android, com possibilidade de utilização de planos adicionais pagos. Além disso, está presente em diversas plataformas, como o computador pessoal ou tablets.

Personalização e uso pessoal

Um excelente recurso do Trello é sua alta capacidade de personalização e de adaptação à vida pessoal do usuário. É possível fazer o planejamento de uma viagem, de uma cerimônia de casamento, de um churrasco em família ou até mesmo de uma reunião de condomínio.

O Trello disponibiliza alguns exemplos de quadros criados pela comunidade para que os usuários se inspirem e criem seus próprios quadros organizacionais.

É possível alterar o plano de fundo de cada quadro, mas apenas escolhendo imagens que a plataforma disponibiliza. Nos cartões, é possível inserir imagens, stickers, etiquetas, checklists e outros artigos que permitem grande interação com a plataforma. Entretanto, os stickers disponíveis na versão gratuita são limitados. As etiquetas colocadas nos cartões também são altamente personalizáveis, e há, inclusive, um modo compatível para daltônicos, que adiciona um padrão na lateral esquerda de cada etiqueta para que todos possam diferenciá-las.

Uso comercial

O Trello também possui planos disponíveis para grandes empresas, com recursos que não estão presentes na versão gratuita – mas que não mudam a experiência do usuário. Há duas versões pagas disponíveis: o Trello Gold e Business Class.

Na versão Gold, o usuário tem acesso a mais possibilidades de integração de aplicativos nos quadros, anexo de arquivos maiores (até 250MB) e mais personalização, com disponibilização de outros fundos e diversos emojis para os cartões. Atualmente, o Trello Gold pode ser adquirido por $5 mensais ou $45 por ano.

Em relação à versão comercial, está disponível o Trello Business Class. Essa versão possui todos os recursos do Trello Gold para todos os membros do quadro, com o adicional dos seguintes recursos: visão geral do que está sendo feito pela equipe, exportação de dados, desativação de membros antigos sem perder o que já foi feito, entre outros. Anualmente, o plano Trello Business Class custa $9,99 por usuário.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *